Irreligiosos

Se você não sabe, aceita e não questiona, embota-se e acaba virando crente.

Por que precisamos abandonar todas as religiões. . .
.
Sou ateu e, evidentemente, gostaria de ver uma sociedade consciente, amadurecida. .
Uma sociedade que compreendesse suas limitações; preocupada e querendo melhorar a própria
dimensão em que vive, ou seja, o presente. Com a nítida compreensão, de que toda a boa
atitude é precedida de um bom pensamento que a guiou e toda a má titude é precedida de um
mau pensamento que a guiou.
.
Uma sociedade onde todas as pessoas pudessem se ver como humanos, acima de qualquer coisa e
que tivessem uma Consciência planetária e não, apenas, tribalista, como vemos agora.
.
Contudo, existe um pequeno problema, que torna esse sonho, simplesmente, impossível:
Sim. . . Estou falando da RELIGIÃO.
.
A religião só permite uma consciência tribal, um pensamento tribal, uma atitude tribal
unilateral.
.
Ainda que houvesse uma religião que conquistasse o mundo, o máximo que faria, seria
transformar o mundo numa tribo gigante.
.
Mas mesmo assim, mesmo dentro de uma mesma religião, fatalmente, iriam acontecer novas e
novas opiniões doutrinárias diferentes que voltariam a criar sub-tribos e isso vai,
simplesmente, repetir-se, repetir-se, repetir-se "ad infinitum".
.
A religião, outrora, havendo sido uma solução para as tribos de nossos antepassados agora, é
a mesma que inviabiliza completa e totalmente o crescimento da consciência humana disponível
para ser alcançada.
.
Com religião, tudo o que vamos fazer é ficar eternamente andando em círculos, e,
atravessando períodos de maior e de menor Ignorância.
.
O eterno impasse religioso está diretamente ligado a uma questão central, de suma e absoluta
importância vital para os religiosos:
.
QUEM ESTÁ ADORANDO O DEUS CERTO E, DA MELHOR MANEIRA? . . .
.
Esta foi a questão central, que marcou e determinou o primeiro assassinato, mitologicamente
descrito na própria bíblia.
.
Tirando-se o lado mítico, mágico e fantasioso da cena, o que vemos, na verdade, são dois
seres humanos, líderes religiosos, cada qual, querendo impor a sua religião ao grupo, ou à
tribo.
.
Evidentemente. . . Mais do que evidentemente. . . Que a tal "aceitação divina", do tal
sacrifício de Abel, de divina, mesmo, não teve nada. . . Foi o grupo. Foi a tribo. A
tribo elegeu o sacrifício de Abel, como o melhor para "deus". A tribo foi quem escolheu por
"deus", pelo simples fato, de que, comer um churrasco é bem melhor que comer pepinos.
.
Não foi nenhum "deus" que "abandonou" Caim. . . Não foi nenhum "deus" que rejeitou o
sacrifício de Caim. . . Foi a tribo.
.
E vemos que foi a tribo, pelo próprio conselho que os anciãos da tal tribo dão a Caim, como
se fosse uma mensagem do próprio "deus". Eles viram que Caim ficou muito, envergonhado e
muito irado e tentaram apaziguar as coisas com um conselho nitidamente, de humano para
humano: "Se bem fizeres não haverá aceitação para ti"? . . . Ou seja: "Já elegemos o
sacrifício de Abel como a forma correta para adorarmos a deus. Já temos uma RELIGIÃO
VERDADEIRA. Você é quem vai escolher se vai seguir conosco ou se vai ser um herege.
.
Bem. . . Voltando ao eixo: a questão aparentemente central de todas as religiões é:
QUEM ESTÁ ADORANDO O DEUS CERTO E, DA MELHOR MANEIRA? . . .
.
Essa pequena pergunta é o que tem dividido os homens e é o que os tem feito se matar uns aos
outros, desde que os homens entenderam que havia um "deus" e desde que entenderam que esse
"deus" deveria ser adorado, da melhor forma possível.
.
Sou ateu. . . Sinceramente, não vejo a menor compatibilidade entre o "deus" adorado na
Biblia, na Toráh, no Novo Testamento, ou no Corão, com o "deus" que pudesse ser admitido
como o que atua, por detrás da natureza.
.
Observando a natureza não vejo nela, o menor resquício de um "deus-religioso", ou algum deus
que dê a mínima para qualquer tipo de religião ou de adoração.
.
O suposto "deus" adorado em todas as "n+1" religiões, do planeta Terra, está em total
contradição e em total desarmonia com algum suposto "deus", que esteja agindo, por detrás da
natureza.
Essa é a verdade que me salta aos olhos.
.
Os seres humanos; todos, todos, sem a menor exceção: todos estão adorando a uma verdadeira
quimera, montada com os pecados e os pedaços dos pedaços de seus piores pensamentos: um
verdadeiro "deus-anti-humano", "anti-natureza", "anti-vida" e "anti-entendimento", porque
mesmo nós, simplesmente, por sermos humanos, somos, também, seres dessa mesma natureza que
não se harmoniza em nada com o deus entendido e apresentado pela religião.
.
Tudo o que a religião conseguiu fazer, até hoje, foi ser a primeira direta responsável pelo
primeiro assassinato, seja de Abel, ou seja lá de quem quer que fosse, bem como, tudo o que
ela continua fazendo até hoje, ou seja:
.
ESPALHAR DISCÓRDIA ENTRE IRMÃOS. (Prov. 6:19) - Como podemos ver a bíblia é a "mestre-mor"
da hipocrisia, sendo, via de regra, a primeira a praticar o que ela mesmo condena.
.
E, de quebra, também a direta responsável pelo "sacrifício-meramente-supersticioso" e
puramente caprichoso, seja de animais, seja de seres humanos, para "aplacar a "ira" da
divindade" ou, para "perdoar pecados": Uma prática inconcebivelmente atrasada e estúpida,
totalmente dissociada de qualquer verdade verificável.
.
RESUMINDO: Se formos todos, somente, humanos, poderemos, todos, ir para o céu, ou, na PIOR
das hipóteses, CONSTRUIR O NOSSO PRÓPRIO CÉU. . .
.
Se formos todos religiosos, poderemos, todos, ir para os infernos de todas as religiões, ou, na MELHOR das hipóteses, construir o nosso prório inferno. Pois é exatamente isso que não nos cansamos de fazer e fazer e fazer, desde que nos tornamos seres religiosos.
Até quando? . . .
.

Sergio Mesquita Rangel
escritor
(Terceira correção ortográfica)

Exibições: 184

Responder esta

Respostas a este tópico

Sérgio:                                                                        Saúde e paz é o que lhe desejo e a todos os nossos Irmãos.

           Pelo que entendi, você se esforça para demonstrar o erro praticado por todas as religiões com adoção de deuses e ídolos; Isso é fato já conhecido por todos nós que somos Irreligiosos. As religiões foram criadas como forma de coordenação e de domínio de minorias atuantes sobre  maiorias menos esclarecidas, sob ameaças de castigos impostos por poderes misteriosos. Técnicas mais evoluídas pelos recursos tecnológicos, temos hoje, quando a mídia a serviço dos poderes econômicos modelam o comportamento sócio-econômico das massas desde seus nascimentos. Assim, cada liderança criou seus próprios códigos de ética comportamental que ficaram arraigados na formação intelectual de seus seguidores e que, dificilmente, podem ser extirpados. "O Homem é produto do meio"; e, uma vez constituído o seu pensamento ele fica estagnado e escravizado.

Abandonemos esses "cativos de mistérios" e procuremos iluminar os caminhos dos mais novos que nos seguirão  de amanhã em diante. É o que sugiro.

Fraternal abraço,

                         Antídio

Boa noite Sérgio e demais,

Penso que os seres humanos são o que são independentemente das religiões. As religiões, desde que as conhecemos, do ponto de vista da história, apenas exploram certas necessidades humanas. E têm tido êxito.

Mas a espécie homo, mesmo numa sociedade ideal, terá sempre defeitos e qualidades. Fará sempre guerras, mesmo sem ser em nome de deuses. Roubará os incautos. Assassinará e violará os mais fracos em prol de ideias ou alguma ambição. Terá desejo de poder e espezinhará o irmão. Enfim, serão humanos. Não tenhamos ilusões acerca dos homens, a não ser que, daqui por uns milhões de anos, a evolução nos leve para uma mentalidade ética. Mas também pode acontecer o contrário. Não sabemos. Apenas podemos desejar e sonhar com belos ideais.

No entanto, com a globalização da informação, já se vê alguma consciencialização da realidade. Aproveito para deixar aqui um site "pirata" só com artigos científicos que, até há pouco tempo, apenas circulavam entre cientistas ou pessoas que podiam pagar para os ler.

http://sci-hub.io/

Sim, concordo, essa "guerra" será vencida, simplesmente, por aqueles que conseguirem repassar, adiante, e com mais sucesso, os seus genes. . .  Palavras, somente, não adiantam muito. . .

Praticamente estamos condenados a "Involuir", daqui pra frente, a menos que a ínfima parcela mais inteligente e dominadora, da população atue, com programas específicos, no sentido de "salvar" o resto do "rebanho", o que, também, parece pouquíssimo provável que aconteça. . .

.

Fora isso, os muçulmanos tem, em média, 4 esposas e 22 filhos.

Enquanto que os europeus, no máximo, uma esposa, dois filhos, o papagaio e o cachorro, no comentário do muçulmano do vídeo abaixo.

Isso sem contar que, no Islã uma "mulher" já está apta a casar-se, aos 5 anos de idade. . .

E a ter filhos, já, a partir de sua primeira menstruação. . .

Diga-me, como pessoas minimamente esclarecidas irão poder competir com . . .  "isso"??? . . .

.

De só uma olhada nisso. . .

https://www.youtube.com/watch?v=pQbavRNuywQ



Luísa L. disse:

Boa noite Sérgio e demais,

Penso que os seres humanos são o que são independentemente das religiões. As religiões, desde que as conhecemos, do ponto de vista da história, apenas exploram certas necessidades humanas. E têm tido êxito.

Mas a espécie homo, mesmo numa sociedade ideal, terá sempre defeitos e qualidades. Fará sempre guerras, mesmo sem ser em nome de deuses. Roubará os incautos. Assassinará e violará os mais fracos em prol de ideias ou alguma ambição. Terá desejo de poder e espezinhará o irmão. Enfim, serão humanos. Não tenhamos ilusões acerca dos homens, a não ser que, daqui por uns milhões de anos, a evolução nos leve para uma mentalidade ética. Mas também pode acontecer o contrário. Não sabemos. Apenas podemos desejar e sonhar com belos ideais.

No entanto, com a globalização da informação, já se vê alguma consciencialização da realidade. Aproveito para deixar aqui um site "pirata" só com artigos científicos que, até há pouco tempo, apenas circulavam entre cientistas ou pessoas que podiam pagar para os ler.

http://sci-hub.io/

Sérgio, essa propaganda não pega, nem na Alemanha, nem em qualquer cidadão que tenha tido oportunidade de viajar por países islâmicos. Mas é muito bom estarmos atentos, pois esse povo é fanático demais.

Eu digo-te que, a esmagadora maioria do povo muçulmano sobrevive como pode, cada homem vive com uma mulher e uma média de 3/4 filhos (esta é uma estatística feita nos países do médio oriente).

Esse fanfarrão do vídeo está a tentar amedrontar as pessoas menos informadas para desse modo obter adeptos, nada mais. Mas volto a frisar: os muçulmanos são muito fanáticos e ciosos do seu Alá.

Desculpe eu perguntar, mas, estou bem preocupado:  e aí em Portugal, como está a situação com relação a esse fato da imigração Islãmica?  e no resto da Europa?   Como vê isso? . . .



Luísa L. disse:

Sérgio, essa propaganda não pega, nem na Alemanha, nem em qualquer cidadão que tenha tido oportunidade de viajar por países islâmicos. Mas é muito bom estarmos atentos, pois esse povo é fanático demais.

Eu digo-te que, a esmagadora maioria do povo muçulmano sobrevive como pode, cada homem vive com uma mulher e uma média de 3/4 filhos (esta é uma estatística feita nos países do médio oriente).

Esse fanfarrão do vídeo está a tentar amedrontar as pessoas menos informadas para desse modo obter adeptos, nada mais. Mas volto a frisar: os muçulmanos são muito fanáticos e ciosos do seu Alá.

Boa noite!

Nós somos um país insignificante quando se trata de quantidades. Mal nos vemos no mapa mundi... rs

Até agora só temos 3/4 famílias de refugiados (eles não gostam de nós, graças a Zeus, uma das razões, senão a única, é que as ajudas sociais não são tão boas como as alemãs).

Quanto à comunidade islâmica em Portugal contam com cerca de 21.000 pessoas. Como podes ver isto é irrelevante. :)


Actualização: http://economico.sapo.pt/noticias/pedidos-de-asilo-em-portugal-disp...

Não sei o que é que eles de repente viram em nós. As praias não são com certeza, uma vez que esse povo parece ter uma certa relutância em se descobrir...


Luísa L. disse:

Boa noite!

Nós somos um país insignificante quando se trata de quantidades. Mal nos vemos no mapa mundi... rs

Até agora só temos 3/4 famílias de refugiados (eles não gostam de nós, graças a Zeus, uma das razões, senão a única, é que as ajudas sociais não são tão boas como as alemãs).

Quanto à comunidade islâmica em Portugal contam com cerca de 21.000 pessoas. Como podes ver isto é irrelevante. :)

Responder à discussão

RSS

Sobre

Badge

Carregando...

Leia Isto!

Traduzir para/Translate to:


Visualizações

contador de visitas online

Se esta é a sua 1ª visita ou se passou por aqui, mas não quis comentar nem publicar nada, assine o nosso livro de visitas!

Irreligiosos.ning.com website reputation

Recados Rápidos

 

 

Links Indicados

Sites da Rede DDD: . . . . . . .Logo Rede DDD Acessar links dos sites Baú do Inexplicado Outros:
visit Skeptic.com

Sociedade Racionalista

ComunidadeO Outro Lado das ReligiõesBULE VOADORInternet Infidels Visitar o Observatório

GeraLinks

Badges do Irreligiosos

Nosso badge no seu blog:

Link o Irreligiosos


(Clique aqui para saber como!)


Enquete Jesus Cristo


Sua opinião sobre Jesus Cristo:
Acesse o post de apoio;

----------------
Acesse a nossa página PESQ para responder à enquete.

 


Notícias Cristãs

Atenção: As notícias aqui divulgadas não são nossas recomendações e são veiculadas apenas para informar os últimos acontecimentos e eventos do cristianismo.

(Se a exibição falhar, não é culpa nossa e sim do Widget. Não se preocupem, elas voltam depois)

Por Gospel+ - Gospel+ Noticias

Grupos

Principais Colaboradores

Abaixo, destacamos (em ordem alfabética) a 4ª lista dos nossos  mais eminentes e constantes colaboradores:

  • Alfredo Bernacchi
  • Assis Utsch
  • Carlos Dosivan
  • Divina J. Scarpim
  • Erijosé Oliveira
  • Gilberto Vieira
  • Jorge O. Almeida
  • Luísa L.
  • Márcia Zaros
  • Marilda Oliveira
  • Oiced Mocam
  • Paulo Luiz  
  • Paulo Rosas 
  • Rafael Rocha
  • Sergio M. Rangel

© 2017   Criado por Ivo S. G. Reis.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço