Irreligiosos

Se você não sabe, aceita e não questiona, embota-se e acaba virando crente.

Desculpem, amigos, os eventuais erros de gramática e ortografia.

Fiz, um tanto apressadamente, a melhor revisão que pude fazer.

.

Se deus existisse de verdade, e, SE fosse, realmente, pessoal, presente, multi-atencioso, multi-tarefa. . .

Se fosse, pelo menos, como o Papai-Noel, que, numa única noite, consegue entregar zilhões de brinquedos e presentes a todas as criancinhas que foram boazinhas naquele ano. . .

O máximo, agora, que eu poderia esperar desse deus, seria uma punição pública e exemplar a todas essas religiões embusteiras, falsificadoras, estelionatárias e destruidoras de sua divina imagem perante o público.

Essas religiões abjetas, infames, que, dizendo-se conhecer deus, na verdade, nada sabem dele, no máxmo, só conseguem mesmo, difamá-lo, cada vez mais.

Essas religiões egoístas, medonhamente indignas, de sequer, pronunciar o seu nome, mas que, bem ao contrário disso, desavergonhada e descaradamente, se dizem, até mesmo, “portadoras de sua verdade” e/ou “seu povo santo e escolhido” e que não se detém, nem sequer temem, em usar o seu nome para justificar as guerras, a segregação, a superioridade racial, a superioridade cultural, a superioridade religiosa, e, por mais incrível que possa parecer, a desfaçatez de apregoar, pública e descaradamente, a superioridade de seu próprio e particular deus. Isso é, simplesmente, vergonhoso.

Essas religiões cegas, abjetas, repugnantes, verdadeiras “párias cósmicas”, irresponsáveis, exploradoras, infestadas, contaminadas, que pregam a piedade, mas, única e exclusivamente, para, através dela, sugar, ávida, sofrega e impiedosamente o sangue, o tempo e o recurso de seus fiéis-escravos.

Se deus, de fato, existisse, o máximo que eu poderia esperar dele; agora, que já está tudo perdido mesmo, nesse oceano de sujeira e injustiça, seria uma punição exemplar a todos esses abutres-religiosos e a todos os que, conscientemente e fanaticamente, cooperaram com eles, na montagem e manutenção desse verdadeiro “Império-do-mal-disfarçado-de-bem”.

Se deus existisse, de verdade, jamais se deixaria enganar por essas raposas.

Jamais, MESMO, se deixaria, sequer, usar, por esses cães.

Mas . . . e agora, que o mal já está feito?! . . .

E agora que o mal já está institucionalizado, e ainda, sob a forma do mais puro bem?

Por que deus, no caso, deixou tudo isso acontecer? . . .

Por que deixou avançar esse câncer??

Para que eu, agora, lhe pedisse, vingança e ele a executasse com prazer igualmente insano e sangrento? . . .

AONDE É QUE VAMOS PARAR ASSIM?!!! . . .

Por que tenho, então, de ser mais indigno do que toda a indignidade que já estou vendo, só para obter, depois de toda essa devastação, depois de toda essa enganação, ainda, um último favor desse DEUS-DE-MERDA!!! Talvez, mais nojento do que todas as religiões juntas???

.

Digam-me, sinceramente, amigos: Se deus realmente existe, o que posso, realmente, esperar de bom, dele?

Estou, de fato, absolutamente ansioso, por uma resposta que não contradiga todo esse universo e todas essas galáxias fantásticas que estou vendo na minha frente!!!! . . .

DEUS,

ALGUÉM AÍ PODE CONSIDERAR O SENTIMENTO GENUÍNO SE UM SER HUMANO, SEM QUERER ENGANÁ-LO, SIMPLESMENTE, COM ESSAS USUAIS BABOSEIRAS RELIGIOSAS-INFAMES???!!!

ALGUÉM AÍ, NESSE IMENSO VAZIO, TEM REALMENTE CONDIÇÕES DE FAZÊ-LO???!!!

VAMOS!!! ESTOU ESPERANDO!!

POR QUE SE CALA, COVARDE???!!!

POR QUE SE CALA NUMA HORA DESSAS???

POR QUE NÃO DIZ ABSOLUTAMENTE NADA???!!!

POR QUE NOS DEIXA NA MÃO DESSES ABUTRES DA SANTA-MERDA-IGREJA E DE OUTRAS INSTITUIÇÕES IGUALMENTE PODRES, DEJETAS E NADA RECOMENDÁVEIS??? . . .

VOCÊ NÃO TEM NENHUM REPRESENTANTE AQUI!!

TENHO PROVAS BÍBLICAS O SUFICIENTE, PARA DEMONSTRA-LHE QUE, AO MENOS, PELO QUE ESTÁ ESCRITO NA SANTA-MERDA-BÍBLIA, SEU SUPOSTO FILHO, JESUS CRISTO, SE NÃO FOI, IGUALMENTE INVENTADO, POR ALGUM PILANTRA, NÃO PASSA, IGUALMENTE, REPITO, DE UM CRETINO, CÍNICO E IGUALMENTE SAFADO!!! . . .

.

Bem . . .

Voltando, então, à realidade objetiva, e enfrentando-a, como deve ser enfrentada . . .

.

Na minha humilde opinião, no momento, nós é que somos os verdadeiros deuses, ainda, capazes de “cair em si mesmos” e começar a agir, simplesmente, como seres humanos.

A solução é, simples:  Nós é que, ainda, teimosamente, insistimos em não aplicá-la.

Olharmos uns aos outros, A PARTIR DE AGORA, somente como seres humanos, nada mais, porque é tudo o que realmente somos.  Foi assim que o universo nos construiu.

E, NUNCA MAIS nos olharemos, como pertencentes a essa ou àquela religião, OU, adoradores desse ou daqueloutro deus.

.

NÓS É QUE SOMOS OS VERDADEIROS DEUSES

SERÁ QUE, AINDA, NÃO DEU PARA PERCEBER??? . . .

.

NÃO SOMOS NADA ONIPOTENTES, NÃO SOMOS NADA ONIPRESENTES, NÃO SOMOS NADA OMNICIENTES, AO CONTRÁRIO, SOMOS FRACOS, LIMITADOS E IGNORANTES. . .

MAS . . .

SE DERMOS UMA PEQUENA OLHADINHA À NOSSA VOLTA, VAMOS REPARAR QUE SOMOS, NO MOMENTO, E AQUI, OS ÚNICOS, MESMO, CAPAZES DE ASSUMIR A GRANDE RESPONSABILIDADE, QUE AINDA, INSISTIMOS EM QUERER ATRIBUIR A OUTREM.

NÓS É QUE SOMOS DONOS DE NOSSO PRÓPRIO DESTINO E TEMOS, MAIS DO QUE NUNCA, AGORA MESMO, DE ACORDAR DESSE PESADELO DE RELIGIÕES FASCISTAS, EGOÍSTAS, MUTUAMENTE EXCLUDENTES, E DE DEUSES MUTUAMENTE EXCLUDENTES.

VAMOS CRESCER, POR FAVOR!!! . .

RENUNCIEMOS A TODOS OS DEUSES DAS RELIGIÕES INSTITUCIONALIZADAS E SEUS LAMENTÁVEIS ENSINAMENTOS, ANTES QUE ACABEMOS NOS DESTRUINDO UNS AOS OUTROS, DE VEZ! . . .

Exibições: 5061

Responder esta

Respostas a este tópico

Paulo, nessa vou "defender" o Erijosé...como cobra não fala? Se ele acredita em um ser imaginário como Deus, pq cobra não falaria?..rs

Desculpem a brincadeira, não resisti. Mas ilustra bem pq é tá difícil explicar e convencer quem acredita....pq eles vivem em plena fantasia. Vai dizer para uma criança que acredita no Papai Noel que ele não existe.

Paulo Luiz Mendonça. disse:

Erijosé Oliveira disse:

Meu amigo deixa de ser ingênuo. Cobras não falam.

Cobra falante é uma analogia simbólica comparada a força do mau.

Deus se revelou ao semíticos de acordo com a sua cultura da sua época. A cobra era um símbolo de traição, enganador, destruidor, astucioso e coisas deste tipo. Na verdade esta cobra representa o inimigo da raça humana na qual foi usada para revelar uma profecia referente ao messias Deus judaico. Esta é a antiga serpente o diabo satanás. Ateus não acreditam nestas coisas, não acredita que Deus se revelou de acordo com o código literário dos semitas. Serpente não fala, cobra não conversa com ninguém, cobra é apenas o símbolo da maldição que atuaria no decorrer da história do povo de Deus. Esta profecia por mais ignorante que possa ser desacreditada, trouxe um certo mistério para que fosse respondida. Ninguém amigo escreveria um certo texto religioso afirmando que uma serpente iria ser destruída por um certo homem em geração posteriores. É preciso interpretar o texto de acordo com a cultura do povo na época e observar que ela faz referencia entre um homem vitorioso que esmagaria o inimigo principal da raça humana.

Oiced Mocam disse:

Prezado Erijosé. Me custa muito a acreditar que mesmo como religioso informado, ainda estás a estória, o relato de Gênesis (um jardim com uma cobra falante) é verdadeira e literal. Acreditar numa lenda q já existia entre outros povos mais antigos é desconhecer a história da humanidade. É nunca ter lido nada sobre Mitologias.

Ainda se o prezado quisesse realizar uma leitura exegética ( o que o Ivan, quando participava aqui, realizava muito bem), um significado bíblico, tudo bem. Até respeitaria a sua opinião. Mas, assim não dá! Não se exponha ao ridículo e não menospreze os céticos e irreligiosos.

Fique com Zeus, digo com seu Deus imaginário,

Oiced

ET: Deve ter aqui um outro tópico onde esse assunto já foi abordado.Texto de Erijosé

A cobra era um símbolo de traição, enganador, destruidor, astucioso e coisas deste tipo. Na verdade esta cobra representa o inimigo da raça humana.

Apesar de não terem citado meu nome neste assunto, respondo para tentar ajudar.

Amigo Erijosé., Nos meus 77 anos de vida, cheguei a conclusão que o pior inimigo  do ser humano, é o próprio ser humano, portanto não tem nada de atribuir algum inimigo fora da raça humana. Todas as guerras e matanças, extermínio de etnias, e muitos genocídios por todo planeta, são frutos plantados pelos próprios seres humanos. Não adianta me sitar trechos da bíblia para me convencer, pois minha inteligencia não permite acreditar em tal livro. Religião sempre teve um papel muito forte em muitos contritos com perdas de milhares de vidas inocentes.

Paulo Luiz Mendonça.
 

Oiced (Imagino que seja Décio, acertei?...rs)

A "fé" é um termo bem interessante, já que vc tocou nele e disse que até os ateu têm fé cabe aqui uma elucidação sobre o termo(para quem não saiba, acho que vc já sabe).

Fé não tem relação exclusiva com religião, mas tem relação estreita com religião justamente por sua definição:

é a firme opinião de que algo é verdade, sem qualquer tipo de prova ou critério objetivo de verificação, pela absoluta confiança que depositamos nesta ideia ou fonte de transmissão.

Percebam que sua definição é muito liga à religião, pois elas não precisam de qq tipo de prova ou critério objetivo de verificação... é como eu "brinco/falo": é o comercial da "nova skin" (uma cerveja), a resposta é sempre "pq sim!", não tem motivo, simplesmente é pq é e ponto final. É um motivo pessoal, a pessoa tem fé e pronto! sem precisar de explicações.

Cordialmente,

Rafael, aquele que tem fé na inexistência de Deuses e como está na "moda" Deusas tb. Deusa para mim é uma mulher bonita...rs

Oiced Mocam disse:

TIRE DEUS AGORA E O QUE SOBRA?

“A ciência tem provas sem certeza.
Os teólogos têm certeza sem qualquer prova.”

Ashley Montagu

Tem gente que não sabe o que é ser ateu… mas basicamente ser ateísta é não precisar de um deus nem de deuses para justificar os próprios atos. Não é simplesmente “negar” a existência de deus/deuses. É assumir a responsabilidade de estar vivo e viver conforme a própria consciência, fruto do funcionamento cerebral.

Ser ateísta, irreligioso, humanista secular, racionalista, cético ou livre pensador, portanto é não ter vínculos com outras realidades supra-humanas, é estar livre para decidir por si mesmo. Sem medo de estar indo contra ou esperando estar a favor de algum tipo de supra-consciência à qual se deva obediência e submissão cega. É reduzir as crenças a um número limitado delas, focadas no aqui/agora. É não se saber ligado aos demais por algum tipo de poder místico sobrenatural, mas simplesmente pelo fato de “apenas” ser um ser humano convivendo entre os demais seres humanos e de acordo com as leis humanas. É não esperar recompensa por seus atos senão aquelas que outros seres humanos possam oferecer como recompensa.

SER ATEÍSTA e SEM RELIGIÃO É SER “SIMPLES”, é ter cortado todo excesso, é enxergar a vida pela perspectiva humana, sem a necessidade de deificá-la nem a necessidade de idolatrar a quem quer que seja. E lógico que ateístas têm fé. Fé em si mesmos, mas ela não os “cega”. Pelo contrário, ela faz abrir os olhos para o que está acontecendo a fim de que se tomem as medidas necessárias, sem acreditar numa outra justiça maior do que aquela que possa ser levada a cabo por si mesmo ou pelos desígnios humanos.

Da mesma forma como não há provas da existência de Deuses e, caso alguém afirme categoricamente que Eles existem o ônus da prova (e suas falácias) recai sobre quem afirma. Também não há provas de que ele “não existe” (embora existam argumentações sólidas sim) e nenhum ateísta se engajará de buscar as provas de uma “não existência”, uma vez que não há meios de provar algo que não existe.

Contudo, há meios sim de aceitar a existência de algo que comprovadamente existe. Portanto, para um ateu deixar de ser ateu bastaria que alguém provasse a existência de Deus, coisa essa que os teístas em sua Fé em Deus ainda não foram capazes de provar… e aí? Qual o problema em ser irreligioso, cético ou Ateu? Se para que Deus exista basta que se creia nele. Alguém que negue a necessidade de crer em Deus não pode ser tomado como portador de uma “fé” cega… apenas alguém não preocupado com o que não faz falta.

A fé não dos cordeiros e mansos e cordatos é imanente; é um "estado" e, como tal, assim como foi colocada, pode ser revertida. O crente se encontra em um "estado de fé" no fator deus, porque o colocaram nesse estado, para melhor ser iludido e controlado.

FAÇA UMA EXPERIÊNCIA ERIJOSÉ: tire Deus/deuses do palco da existência e veja, perceba o que sobra. O que sobra? A mesma vida de sempre… contudo muito mais “ameaçadora” pelo fato de exigir a própria tomada de decisões ao invés de depositarem-se tais decisões em alguém ou algo além de “si mesmo”. Perceba que não tem mais ninguém observando seus atos além de você mesmo e assim qualquer coisa que você faça estará de acordo apenas com a sua vontade, não a vontade de um ser superior a você. Pense nisso Erijosé.

Saudações,

Oiced

ET: Suas outras questões já foram amplamente debatidas em outros links, aqui no Irreligiosos. VC, só está voltando com as mesmas perguntas (revise seus arquivos)

 

Ivo e demais ateus do irreligiosos bom dia.

Sei que vocês não vão deixar barato para entregar o ouro ao inimigo. Por não acreditarem em Deus os ateus estão lançando teorias para tentar mudar a história do cristianismo através dos boatos e das dúvidas. Sei que os ateus não estão nem aí se suas teorias são verdadeiras e a contra gosto da verdade histórica lançam dúvidas no ar como uma estratégia cética.

Eu fui dentro da história e provei que o cristianismo existiu no primeiro século. Em virtude disto não há como vocês negarem mais a existência de Jesus de Nazaré. As evidencias são muito forte a favor de sua existência, pois se ele nunca existiu o cristianismo não teria forças para seguir em frente mediante a tantas mentiras. Isto é fato.

Para colocar mais tempero cético na história os ateus afirmam que os cristãos do primeiro século não era os seguidores de Jesus de Nazaré. É só dúvidas que não provam nada. Além do mais as evidencias históricas provam que o cristianismo do primeiro século circulava em torno de Jesus Cristo de Nazaré. Não existe como pensar diferente, pois haveria claramente comentários sobre outra seita cristã no primeiro século além dos seguidores do Nazareno Jesus. Os céticos ficam pegando retalhos da história aqui e ali e tentam reformular a verdadeira origem do cristianismo de Jesus de Nazaré. Nenhum ateu até hoje conseguiu inventar uma teoria para derrubar aquela que é aceita pela história contada pelos cristãos. Vocês sabem disto.

Nenhum pesquisador cético não saberia responder porque inventaram um Jesus de Nazaré, adaptar sobre ele profecias judaicas para sofrer perseguições dos romanos e dos judeus. Alguém sabe responder?

Por enquanto fico por aqui.



Ivo S. G. Reis disse:

3. Pronto! Está lançado o boato e a dúvida. O resto, transformar mentira em verdade e dar-lhe ampla divulgação, a igreja faz, e faz muito bem.

Claro que isso é um exemplo grosseiro, mas foi mais ou menos assim que foram construídas as profecias - da frente para trás.

Rafael você se esqueceu de uma coisa: A bíblia foi revelada para quem crer no poder de Deus através da fé. Ateus não acreditam em cobra que fala, não acredita em milagres e muito mais...

O que Jesus disse: Errais não conhecendo as escrituras e o poder de Deus. Ponto final.

Rafael disse:

Paulo, nessa vou "defender" o Erijosé...como cobra não fala? Se ele acredita em um ser imaginário como Deus, pq cobra não falaria?..rs

Desculpem a brincadeira, não resisti. Mas ilustra bem pq é tá difícil explicar e convencer quem acredita....pq eles vivem em plena fantasia. Vai dizer para uma criança que acredita no Papai Noel que ele não existe.


Os ateus tem fé que o acaso criou tanta sincronismo complexo.

Rafael disse:

Percebam que sua definição é muito liga à religião, pois elas não precisam de qq tipo de prova ou critério objetivo de verificação... é como eu "brinco/falo": é o comercial da "nova skin" (uma cerveja), a resposta é sempre "pq sim!", não tem motivo, simplesmente é pq é e ponto final. É um motivo pessoal, a pessoa tem fé e pronto! sem precisar de explicações.

Cordialmente,

Rafael, aquele que tem fé na inexistência de Deuses e como está na "moda" Deusas tb. Deusa para mim é uma mulher bonita...rs


Lilian respeito a proposta e o pensamento de pensar de cada um de vocês, mas para mim existe alguma coisa por detrás disto. Não entra na minha cabeça colocar um cabresto sobre os olhos para ver só os corruptos da religião como causadora dos males do mundo.

Eu observo uma coisa a respeito do monoteísmo hebraico: Vamos supor que a religião judaica não existisse. Sem ela o mundo continuaria com as crenças politeísta e os povos fazendo guerras do mesmo jeito. A antiga Canaã por exemplo foi invadida por vários povos na época (filisteus, caftorins, amorreus etc...). Como se vê o judaísmo nem existia quando o monoteísmo de Abraão foi criado. Quem era então os corruptos da época?

O mundo sempre foi cercado de guerras e mesmo com a religião hebraica as guerras existiam em volta do mundo. Grandes impérios surgiram e até pouco tempo tivemos duas guerras mundiais.

Claro que hoje a situação é outra, os povos estão mais civilizados e um grupo acha que Israel é o culpado pelas guerras no oriente médio. Te garanto uma coisa: Se deixarem israel em paz a paz voltará naquelas terras santas. Ninguém luta para promover a paz, pois os políticos querem petróleo e não não há como pensar diferente. Os gananciosos querem promover o dinheiro, ganhar mais, ficar ricos e Israel sofre com isto. Porque razão os EUA apoia Israel e é contra o terrorismo? O verdadeiro Islã não prega o terrorismo, portanto não é a religião judaica que causa os males. Pelo contrário se você assistir ao vídeo sobre a história de Israel verá que os judeus desde que apareceram como um povo sofreram o pão que o diabo amassou. Porque as nações unidas não encontram apoio para acabar com o terrorismo? Porque tem muita gente financiando e é muito mais fácil eliminar Israel (um País pequeno) do que acabar com os corruptos. Os Árabes dizem que a cidade santa é deles ao passo que Israel diz que é deles. Ora bolas! Em pleno século XXI se briga por um pedacinho de terra? Qual é a vantagem nisto tudo para os radicais islâmicos?

No dia que acabarem com Israel, sabe o vai acontecer?: Eles vão querer destruir todos os cristãos e sobrarão na face da terra Islâmicos e o resto das nações no mundo. Voltara uma ditadura espiritual islâmica e os ateus vão tentar lutar para acabar com a religião deles|?

Duvi- de o-dó.

Acho que os ateus estão mais para divulgar suas revoltas por uma frustração que passaram dentro das igrejas do que diretamente resolver os problemas do país como um todo. Vocês precisam se organizar na minha opinião, pois pregar ateísmo vai existir mais derramamento de sangue no mundo inteiro, pois a vontade do islã é manter o Deus de Maomé sobre o comando do planeta.

Sem mais, pensem bem.


Lilian Sokorowa disse:

Senhor Erijosé:

A pergunta não foi feita a mim, mas eu quero responder. Não existe nenhuma "ditadura ateísta", nenhuma vinculação com o "iluminismo francês" (hoje, não nas origens), nenhum político no meio (políticos são malandros e jamais apoiariam ateus, que eles não são bestas), nenhuma participação terrorista. O que existe, é a vontade sincera dos "sem deus no coração" de fazer a humanidade entender que ela pode viver muito bem e melhor, sem essa sacanagem religiosa que a explora e emburrece, levando grande parte da sociedade à inércia e ao obscurantismo, não evoluindo culturalmente e, assim, prejudicando o desenvolvimento de seus respectivos países. Só isso e simples assim. Só esta já não seria uma causa justa para se defender?

Bjim pra todos.

Gostei deste vídeo: Estou com raiva de Deus. É isto que penso de alguns ateus.

http://www.youtube.com/watch?v=9paGD0N7hAE

Me lembrei de uma certa passagem bíblia na qual os judeus diziam: Este homem fala e faz coisas na qual muitos estão acreditando nele. Se deixarmos ele falar livremente acabará com a nossa nação e os romanos virão e tomarão o nosso lugar.

Julguem-me se estou atrapalhando vocês.

Ivo S.G.Reis !

Eu entendo os motivos dos religiosos terem esse tipo de dúvidas, afinal,eles estão acreditando no inacreditável para nós céticos e acham ser impossível uma vida sem o Deus que eles imaginam existir. Uma hora a ficha cai. 

Vamos aguardar, a essa altura você já publicou e eu não vi, estive sem a NET por 36 hs.. Vou chegar lá.

Saudações irreligiosas.
Ivo S. G. Reis disse:

Paulo:

O Sigurd me disse, num comentário lá para trás "[...]não estou bem certo se é possível ser feliz e bem resolvido sem crença em alguma divindade." Parece que ele está querendo dizer, com isso, que todos nós irreligiosos (ou a maioria) somos infelizes e mal-resolvidos. Será que é isso mesmo o que ele pensa de nós e acha tão difícil assim de acreditar?

Se ele estiver lendo, seria bom que respondesse e explicasse melhor o que quis dizer com esta sua frase um tanto infeliz. Não acredito que, lá no fundo, ele ache mesmo que para ser feliz é preciso ser religioso ou "ter crença em alguma divindade". Antes teria de responder: Divindades existem?

Mudando de assunto, recebi email do Josimar Álvaro dos Santos, com foto e um depoimento retumbante para a comunidade, que será publicado amanhã. Uma das fotos já foi publicada. Valeu a sua interferência. Quero ver o que o Sigurd e o Erijosé têm a dizer. Paralelamente, será publicada mais uma matéria enviada pelo T. P. Sigurd. Aguarde!

Saudações Irreligiosas

Paulo Rosas Moreira disse:

Oiced Mocam !

Como sempre brilhante em seus argumentos. Parabéns!  Espero que nosso companheiro Erijosé, se digne em analisar com carinho suas palavras.

Saudações irreligiosas.

Oiced Mocam disse:

TIRE DEUS AGORA E O QUE SOBRA?

“A ciência tem provas sem certeza.
Os teólogos têm certeza sem qualquer prova.”

Ashley Montagu

Tem gente que não sabe o que é ser ateu… mas basicamente ser ateísta é não precisar de um deus nem de deuses para justificar os próprios atos. Não é simplesmente “negar” a existência de deus/deuses. É assumir a responsabilidade de estar vivo e viver conforme a própria consciência, fruto do funcionamento cerebral.

Ser ateísta, irreligioso, humanista secular, racionalista, cético ou livre pensador, portanto é não ter vínculos com outras realidades supra-humanas, é estar livre para decidir por si mesmo. Sem medo de estar indo contra ou esperando estar a favor de algum tipo de supra-consciência à qual se deva obediência e submissão cega. É reduzir as crenças a um número limitado delas, focadas no aqui/agora. É não se saber ligado aos demais por algum tipo de poder místico sobrenatural, mas simplesmente pelo fato de “apenas” ser um ser humano convivendo entre os demais seres humanos e de acordo com as leis humanas. É não esperar recompensa por seus atos senão aquelas que outros seres humanos possam oferecer como recompensa.

SER ATEÍSTA e SEM RELIGIÃO É SER “SIMPLES”, é ter cortado todo excesso, é enxergar a vida pela perspectiva humana, sem a necessidade de deificá-la nem a necessidade de idolatrar a quem quer que seja. E lógico que ateístas têm fé. Fé em si mesmos, mas ela não os “cega”. Pelo contrário, ela faz abrir os olhos para o que está acontecendo a fim de que se tomem as medidas necessárias, sem acreditar numa outra justiça maior do que aquela que possa ser levada a cabo por si mesmo ou pelos desígnios humanos.

Da mesma forma como não há provas da existência de Deuses e, caso alguém afirme categoricamente que Eles existem o ônus da prova (e suas falácias) recai sobre quem afirma. Também não há provas de que ele “não existe” (embora existam argumentações sólidas sim) e nenhum ateísta se engajará de buscar as provas de uma “não existência”, uma vez que não há meios de provar algo que não existe.

Contudo, há meios sim de aceitar a existência de algo que comprovadamente existe. Portanto, para um ateu deixar de ser ateu bastaria que alguém provasse a existência de Deus, coisa essa que os teístas em sua Fé em Deus ainda não foram capazes de provar… e aí? Qual o problema em ser irreligioso, cético ou Ateu? Se para que Deus exista basta que se creia nele. Alguém que negue a necessidade de crer em Deus não pode ser tomado como portador de uma “fé” cega… apenas alguém não preocupado com o que não faz falta.

A fé não dos cordeiros e mansos e cordatos é imanente; é um "estado" e, como tal, assim como foi colocada, pode ser revertida. O crente se encontra em um "estado de fé" no fator deus, porque o colocaram nesse estado, para melhor ser iludido e controlado.

FAÇA UMA EXPERIÊNCIA ERIJOSÉ: tire Deus/deuses do palco da existência e veja, perceba o que sobra. O que sobra? A mesma vida de sempre… contudo muito mais “ameaçadora” pelo fato de exigir a própria tomada de decisões ao invés de depositarem-se tais decisões em alguém ou algo além de “si mesmo”. Perceba que não tem mais ninguém observando seus atos além de você mesmo e assim qualquer coisa que você faça estará de acordo apenas com a sua vontade, não a vontade de um ser superior a você. Pense nisso Erijosé.

Saudações,

Oiced

ET: Suas outras questões já foram amplamente debatidas em outros links, aqui no Irreligiosos. VC, só está voltando com as mesmas perguntas (revise seus arquivos)

 

Erijosé Oliveira !

Caro companheiro, se você prestar bastante a atenção, para o fato de que os judeus, não aceitam o NT, tampouco Jesus Cristo e as hipóteses por mim levantada, da desconfiança de serem verdades os relatos do NT, diante da distância desse povo de Roma, pela feitura do NT na Turquia (Por quê não em Roma?) etc... você poderá ajuizar o que tanto chamo a atenção. Se vocês não querem acreditar o que podemos nós céticos, fazer?

Saudações irreligiosas.


Erijosé Oliveira disse:

A resposta minoria 

RN Whybray , que em um ponto apoiou a posição da maioria, mudou de lado durante os anos 1990 e lançou dúvidas sobre a relação entre Amenemope e Provérbios , ao mesmo tempo reconhecendo certas afinidades. Ele argumentou, em parte, que apenas alguns dos tópicos do texto egípcio pode ser encontrado em Provérbios 22: 17-24.: 22 e que a sua sequência é diferente  JA Emerton  e Nili Shupak que posteriormente argumentou fortemente contra conclusões do Whybray.John Ruffle tem uma abordagem mais conservadora: "A conexão tão casualmente assumiu muitas vezes é muito superficial, raramente mais de semelhança do assunto, muitas vezes tratadas de forma bastante diferente e não resistem a um exame detalhado eu acredito que pode merecer a sentença não mais definido do que 'não. comprovada "e que, certamente, não existe na medida em que é frequentemente assumido" e "Os paralelos que tirei entre [o ueuetlatolli da astecas ], (gravada porBernardino de Sahagun em 1500) e antiga sabedoria do Oriente Médio não são de forma exaustiva, mas o fato de que eles podem ser produzidos tão facilmente sublinha que deveria ser óbvio de qualquer forma, que tais preceitos e imagens são universalmente aceitável e, portanto, que as passagens semelhantes podem ocorrer em Provérbios e Amenemope por simples coincidência "

http://en.wikipedia.org/wiki/Instruction_of_Amenemope

Esta pesquisa não prova absolutamente nada a não ser para os ateus que usam da dúvida para fazer uma interpretação cética.

Uma tentativa desesperadora a meu ver de alguns radicais que odeiam falar de igrejas, Judaísmo e cristianismo. Tudo bem Paulo Rosas, Oiced etc, que vocês não acreditam em deuses, mas a história não foi feita exclusivamente para os céticos. O povo de Israel de acordo com sua cultura religiosa jamais iria penetrar dentro de um livro pagão para influenciar seu povo chamado escolhido de Deus que nem estátuas construíam, para retirar de dentro deles frases dos deuses para seu livro religioso. É impossível aceitar isto.


Paulo Rosas Moreira disse:

Oiced Mocam !

Como sempre brilhante em seus argumentos. Parabéns!  Espero que nosso companheiro Erijosé, se digne em analisar com carinho suas palavras.

Saudações irreligiosas.


 


Erijosé, boa tarde!

Companheiro, ateus não têm fé, ateus acreditam em possibilidades científicas. Não confunda a fé - crença em entidades sobrenaturais, cuja probabilidade de prova científica não é possível (pelo menos com a ciência que temos) -, com possibilidade científica, pois são conceitos completamente diferentes.

Saudações!

Erijosé Oliveira disse:

Os ateus tem fé que o acaso criou tanta sincronismo complexo.

Rafael disse:

Percebam que sua definição é muito liga à religião, pois elas não precisam de qq tipo de prova ou critério objetivo de verificação... é como eu "brinco/falo": é o comercial da "nova skin" (uma cerveja), a resposta é sempre "pq sim!", não tem motivo, simplesmente é pq é e ponto final. É um motivo pessoal, a pessoa tem fé e pronto! sem precisar de explicações.

Cordialmente,

Rafael, aquele que tem fé na inexistência de Deuses e como está na "moda" Deusas tb. Deusa para mim é uma mulher bonita...rs


Eu sei disto e fiz apenas uma analogia. Só para te lembrar: Ciência não se envolve com religião. Ciência é ciência. Tem ateus que usa erradamente a ciência para negar a existência de Deus

Luísa L. disse:


Erijosé, boa tarde!

Companheiro, ateus não têm fé, ateus acreditam em possibilidades científicas. Não confunda a fé - crença em entidades sobrenaturais, cuja probabilidade de prova científica não é possível (pelo menos com a ciência que temos) -, com possibilidade científica, pois são conceitos completamente diferentes.

Saudações!



Eu já pedi as evidencias históricas da turquia e você nada apresentou.

Paulo Rosas Moreira disse:

Erijosé Oliveira !

Caro companheiro, se você prestar bastante a atenção, para o fato de que os judeus, não aceitam o NT, tampouco Jesus Cristo e as hipóteses por mim levantada, da desconfiança de serem verdades os relatos do NT, diante da distância desse povo de Roma, pela feitura do NT na Turquia (Por quê não em Roma?) etc... você poderá ajuizar o que tanto chamo a atenção. Se vocês não querem acreditar o que podemos nós céticos, fazer?

Saudações irreligiosas.


Erijosé Oliveira disse:

A resposta minoria 

RN Whybray , que em um ponto apoiou a posição da maioria, mudou de lado durante os anos 1990 e lançou dúvidas sobre a relação entre Amenemope e Provérbios , ao mesmo tempo reconhecendo certas afinidades. Ele argumentou, em parte, que apenas alguns dos tópicos do texto egípcio pode ser encontrado em Provérbios 22: 17-24.: 22 e que a sua sequência é diferente  JA Emerton  e Nili Shupak que posteriormente argumentou fortemente contra conclusões do Whybray.John Ruffle tem uma abordagem mais conservadora: "A conexão tão casualmente assumiu muitas vezes é muito superficial, raramente mais de semelhança do assunto, muitas vezes tratadas de forma bastante diferente e não resistem a um exame detalhado eu acredito que pode merecer a sentença não mais definido do que 'não. comprovada "e que, certamente, não existe na medida em que é frequentemente assumido" e "Os paralelos que tirei entre [o ueuetlatolli da astecas ], (gravada porBernardino de Sahagun em 1500) e antiga sabedoria do Oriente Médio não são de forma exaustiva, mas o fato de que eles podem ser produzidos tão facilmente sublinha que deveria ser óbvio de qualquer forma, que tais preceitos e imagens são universalmente aceitável e, portanto, que as passagens semelhantes podem ocorrer em Provérbios e Amenemope por simples coincidência "

http://en.wikipedia.org/wiki/Instruction_of_Amenemope

Esta pesquisa não prova absolutamente nada a não ser para os ateus que usam da dúvida para fazer uma interpretação cética.

Uma tentativa desesperadora a meu ver de alguns radicais que odeiam falar de igrejas, Judaísmo e cristianismo. Tudo bem Paulo Rosas, Oiced etc, que vocês não acreditam em deuses, mas a história não foi feita exclusivamente para os céticos. O povo de Israel de acordo com sua cultura religiosa jamais iria penetrar dentro de um livro pagão para influenciar seu povo chamado escolhido de Deus que nem estátuas construíam, para retirar de dentro deles frases dos deuses para seu livro religioso. É impossível aceitar isto.


Paulo Rosas Moreira disse:

Oiced Mocam !

Como sempre brilhante em seus argumentos. Parabéns!  Espero que nosso companheiro Erijosé, se digne em analisar com carinho suas palavras.

Saudações irreligiosas.


 

Responder à discussão

RSS

Sobre

Badge

Carregando...

Leia Isto!

Traduzir para/Translate to:


Visualizações

contador de visitas online

Se esta é a sua 1ª visita ou se passou por aqui, mas não quis comentar nem publicar nada, assine o nosso livro de visitas!

Irreligiosos.ning.com website reputation

Recados Rápidos

 

 

Links Indicados

Sites da Rede DDD: . . . . . . .Logo Rede DDD Acessar links dos sites Baú do Inexplicado Outros:
visit Skeptic.com

Sociedade Racionalista

ComunidadeO Outro Lado das ReligiõesBULE VOADORInternet Infidels Visitar o Observatório

GeraLinks

Badges do Irreligiosos

Nosso badge no seu blog:

Link o Irreligiosos


(Clique aqui para saber como!)


Enquete Jesus Cristo


Sua opinião sobre Jesus Cristo:
Acesse o post de apoio;

----------------
Acesse a nossa página PESQ para responder à enquete.

 


Notícias Cristãs

Atenção: As notícias aqui divulgadas não são nossas recomendações e são veiculadas apenas para informar os últimos acontecimentos e eventos do cristianismo.

(Se a exibição falhar, não é culpa nossa e sim do Widget. Não se preocupem, elas voltam depois)

Por Gospel+ - Gospel+ Noticias

Grupos

Principais Colaboradores

Abaixo, destacamos (em ordem alfabética) a 4ª lista dos nossos  mais eminentes e constantes colaboradores:

  • Alfredo Bernacchi
  • Assis Utsch
  • Carlos Dosivan
  • Divina J. Scarpim
  • Erijosé Oliveira
  • Gilberto Vieira
  • Jorge O. Almeida
  • Luísa L.
  • Márcia Zaros
  • Marilda Oliveira
  • Oiced Mocam
  • Paulo Luiz  
  • Paulo Rosas 
  • Rafael Rocha
  • Sergio M. Rangel

© 2017   Criado por Ivo S. G. Reis.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço