Irreligiosos

Se você não sabe, aceita e não questiona, embota-se e acaba virando crente.

Caros companheiros Ivo e William,

O Ivo fez um breve comentário em mensagem de 26.08.11 sobre a possibilidade de eu estar a lê-lo. Não, não o havia lido e estou meio incerto sobre a resposta a uma sugestão minha. Estou entendendo que seria sobre o fato de procurar pessoas da mesma região para nos reunir e trocar ideias, e talvez esteja o meu colega Ivo  a sugerir como devemos fazer aqui no RJ. Continuo achando que a ideia é válida, mas penso que para ser viabilizada seria necessário montar uma agenda com tópicos definidos, porque senão ficaremos a discutir o sexo dos anjos, falando aquilo tudo que todo mundo já sabe que vai ouvir, ... Não, teríamos que ter uma agenda com pontos concretos, tais como:

a) o que fazer para deixar a imagem de monstros que as diversas Igrejas fazem questão de nos impingir e passar a atuar ativamente em prol da sociedade. Dizer simplesmente que os religiosos por exemplo dão esmolas para ganhar bônus no céu não basta, temos que mostrar que queremos ajudar por nos sentirmos bem assim, para nos sentirmos felizes, e não porque Deus mandou;

b) promover campanhas permanentes para doação de sangue ou trabalho voluntário ou  disseminação da cultura nas mais diversas formas etc.

Não sei como transcorreu a reunião no RN. É importante que seja divulgado. Se se conseguiu dar um passo à frente, ótimo,  servir-nos-á como exemplo e como incentivo. Se ao contrário, não foi possível um bom resultado, seja porque havia pouca gente, ou porque não se apresentou nada de novo, ou não se estabeleceram metas de trabalho, ou seja lá o que for, servir-nos-á como advertência para não cairmos nos mesmos erros.

Meu caro William, você vive no paraíso. O RN é um estado de belezas mil, que tem um sol maravilhoso e lindas praias. Pena que não seja um paraíso social, mas isso não é um problema só de seu estado. Infelizmente todo o país vive uma situação de desequilíbrio social que redunda em violência. Vez por outra pairo por aí porque minha filha é professora na Universidade do RN. Estou pretendendo voltar e tomar uns banhos de mar na praia do Careca. Se for o caso, avisarei com antecedência para nos encontrarmos por aí.

Meu caro Ivo, houve , há ou haverá reuniões similares nos outros estados do Brasil?

Um abraço para os dois.

Exibições: 148

Comentar

Você precisa ser um membro de Irreligiosos para adicionar comentários!

Entrar em Irreligiosos

Comentário de Rafael Rocha em 27 setembro 2013 às 9:03

O jornal HUMANITAS publica neste mês de outubro textos intitulados TEMOS NADA COM ISSO!, de autoria do nosso amigo Alfredo Bernacchi, e TODOS NÓS AINDA SOMOS ESCRAVOS, de autoria do também nosso amigo Jorge Oliveira de Almeida, cujo fac-simile da página 6 coloco aqui neste espaço. O HUMANITAS apesar da sua pequena tiragem é distribuído em todas as principais cidades do Brasil, bem como Porto, Açores, Ílhavo, Lisboa, Aveiros (Portugal); Miami (EUA); Haia (Países Baixos), Cabo Verde e em Turim (Itália). Quem desejar receber o HUMANITAS no Brasil deve enviar nome e endereço completo para o e-mail jornalhumanitas2013@gmail.com, bem como uma colaboração simbólica de R$ 30,00 (TRINTA REAIS) a ser depositada na conta corrente 01854-5, Banco Itaú, agência 8890, em nome de RAFAEL ROCHA, enviando também pelo e-mail os dados do recibo do depósito (nº do recibo, valor, nome do depositante, banco, agência e data do depósito).

Comentário de Ivo S. G. Reis em 14 setembro 2011 às 1:53

Jorge:

Você não está jogando suas palavras ao vento e suas aspirações são legítimas e até coincidem com a de quase todos nós, tenho certeza. E também não está sendo prolixo e foi até muito claro ao expor as suas expectativas. O seu ideal é nobilíssimo e necessário. Mas temos de ser realistas: mobilizar ateus é difícil e a verdade é que, a despeito das suas inegáveis capacidades intelectuais, nunca foram organizados e não sabem se mobilizar. Até os gays (sem nenhum demérito) são mais organizados do que nós e sabem lutar por seus direitos.

Então, por que não fazemos o mesmo? Tenho algumas suspeitas, mas não ouso dizer que estejam certas e também a explicação não caberia aqui, num simples comentário. Um dos objetivos futuros deste site é exatamente chegar a isso que você tanto sonha (e nós também), mas antes temos de crescer em número para, daí, partirmos para a organização, com grande planejamento e maciças campanhas em prol da nossa causa. Não sou pessimistas e acho isso possível, mas precisamos nos tornar mais conhecidos, mais respeitados e trazer mais gente. Se cada um fizer a sua parte, trazendo mais dois ou três companheiros, logo, logo teremos número suficiente para começar a planejar isso.

Fazer um "6º Encontro de Ateus" para encontrar apenas 4 pessoas?!!! Tira o incentivo de qualquer um, pois, afinal, se já é o "6º" encontro, significa que deveria ser bem sucedido. Se não foi é porque ou houve um excesso de otimismo ou não levaram em conta as peculiaridades da nossa comunidade. Para não incorrer no mesmo erro, prefiro esperar um pouco e ter mais cautela.

 

O que deixa mais triste, Jorge, é que é tão fácil organizar um evento dessa natureza e eu até arrisco-me a dizer que já tenho alguma experiência nisso (não com ateus, mas na área empresarial). A única coisa que muda é o público-alvo. Se a nossa comunidade aumentasse e realmente manifestasse interesse, eu seria um dos primeiros a me empenhar nisso.

 

Comentário de Jorge Oliveira de Almeida em 14 setembro 2011 às 1:13

Ivo,

é lamentável que isso tenha acontecido, mas era mais ou menos o que estava esperando. O grande problema é que os fiéis das diversas Igrejas são capazes de dar a vida por seus ideais, principalmente se tiverem algum lucro com isso, como aconteceu durante as Cruzadas. No nosso caso, as pessoas não vislumbram um benefício ímediato ou pelo menos próximo e infelizmente o que faz as pessoas se mexerem é o dinheiro. Alguns filósofos vislumbraram a possibilidade de mudar a mentalidade dos homens, como os socialistas, que procuraram tornar mais igualitária a vida dos homens, mas quando estudamos a História vemos que até hoje o que se fez foi uma luta encarniçada da classe média pelo Poder. É como se houvesse um livro do destino, onde deveria estar escrito que as lutas deveriam ocorrer sem um propósito determinado senão o de tomar o Poder, entretanto, as lutas de classe estavam ali embutidas (e foi Marx quem as mostrou ao mundo), sempre levando a classe média a ascender cada vez mais. Algumas revoluções foram feitas para tentar mudar o rumo da História, procurando alijar da classe média esse poder, mas a experiência tem mostrado que duram no máximo 50 anos. De início tudo são flores, tudo é maravilhoso, mas os novos detentores do poder passam a ser alvos daqueles que foram derrubados e que acabam por derrubá-los. Assim aconteceu com Napoleão, que entretanto conseguiu passar à posteridade os frutos da Revolução Francesa , assim aconteceu com a revolução russa e assim parece-me que irá acontecer também com a revolução cubana. A continuar as coisas como estão, ou para onde parecem dirigir-se, ouso pensar que no futuro somente haverá duas classes: os ricos e os pobres, ou os dominantes e os dominados.

Ora veja só: acabei escrevendo tudo isso para mostrar que ao Homem só o dinheiro interessa. Se não houver como  de alguma forma levar os nossos companheiros a lutar por um propósito comum que os beneficie imediatamente de forma concreta, não iremos além das pernas. Como fazer isso? Também não sei, por isso sugeri um "brain-storming". Certamente muitas cabeças pensando são melhor que uma única. Uma outra forma de  conseguirmos chegar a algum lugar é utilizar os mesmos caminhos já utilizados por outros na mesma situação, não os mesmos meios! Temos que colocar as nossas cabeças para pensar: por que os evangélicos estão a crescer no mundo? Por que os crentes são capazes de roubar e matar para pagar o dízimo? Ou talvez, por que a civilização americana foi a que mais cresceu no mundo? Neste caso, porque a religião ali predominante levava os fiéis a crerem que Deus favorecia ou ajudava a quem se dava bem na vida. Ou seja, sempre que aparece algum empecilho aparece uma solução para resolvê-lo, sempre aparece uma "alma salvadora". O que podemos concluir? Faltam-nos cérebros! É lógico que não nos adianta ter qualidade com tão pouca quantidade.Somos apenas uns duzentos. Não é que precisemos crescer. Não temos que multiplicar os pães (o que aliás nunca aconteceu). Temos é que ter em nossas hostes todos aqueles que estão conosco e que por um motivo ou outro nem sequer sabem de nossa existência. Nós já somos grandes, só que não sabemos disso. Tenho um cachorro que fica separado da casa, no quintal, por um pequeno portão e quando as pessoas me perguntam se ele não o pula eu falo a verdade: pula, só que ele não sabe disso! 

Você deve considerar que estou sendo muito prolixo. Talvez, mas gosto de lançar aos ventos  as minhas ideias; de repente, alguém com mais experiência, ou tirocínio, ou bom senso, ou perseverança (o que certamente não lhe falta) poderá levá-las a bom termo. Por que não você?

Comentário de Ivo S. G. Reis em 13 setembro 2011 às 10:04

Jorge:

Lamentavelmente, segundo informações do próprio site que promoveu o encontro, o evento foi um fracasso total, aparecendo apenas 4 pessoas. Não me pergunte os porquês, mas em quase todos os eventos dessa natureza os ateus se escondem e não comparecem, apesar de incentivar a realização. Por isso, os meus cuidados. 

Acho realmente esses encontros importantes e necessários. Deveriam ser realizados com bastante divulgação, pauta, inscrição de palestrantes, apoio, adesões, confirmações, reserva de hotéis, publicação de resenhas, vídeos, fotos e conclusões e toda a infra-estrutura que cerca um evento dessa natureza. Mas volto a dizer: isso só é viável quando tivermos número. É preciso convidar 1.000 para termos 100 participantes. Como aqui só temos cerca de 200 membros parece que ainda vamos ter de esperar um pouco ou partir para uma campanha maciça de aumento de membros, antes de se organizar qualquer encontro. O que você pensa?

Sobre

Badge

Carregando...

Leia Isto!

Traduzir para/Translate to:


Visualizações

contador de visitas online

Se esta é a sua 1ª visita ou se passou por aqui, mas não quis comentar nem publicar nada, assine o nosso livro de visitas!

Irreligiosos.ning.com website reputation

Recados Rápidos

 

 

Links Indicados

Sites da Rede DDD: . . . . . . .Logo Rede DDD Acessar links dos sites Baú do Inexplicado Outros:
visit Skeptic.com

Sociedade Racionalista

ComunidadeO Outro Lado das ReligiõesBULE VOADORInternet Infidels Visitar o Observatório

GeraLinks

Badges do Irreligiosos

Nosso badge no seu blog:

Link o Irreligiosos


(Clique aqui para saber como!)


Enquete Jesus Cristo


Sua opinião sobre Jesus Cristo:
Acesse o post de apoio;

----------------
Acesse a nossa página PESQ para responder à enquete.

 


Notícias Cristãs

Atenção: As notícias aqui divulgadas não são nossas recomendações e são veiculadas apenas para informar os últimos acontecimentos e eventos do cristianismo.

(Se a exibição falhar, não é culpa nossa e sim do Widget. Não se preocupem, elas voltam depois)

Por Gospel+ - Gospel+ Noticias

Grupos

Principais Colaboradores

Abaixo, destacamos (em ordem alfabética) a 4ª lista dos nossos  mais eminentes e constantes colaboradores:

  • Alfredo Bernacchi
  • Assis Utsch
  • Carlos Dosivan
  • Divina J. Scarpim
  • Erijosé Oliveira
  • Gilberto Vieira
  • Jorge O. Almeida
  • Luísa L.
  • Márcia Zaros
  • Marilda Oliveira
  • Oiced Mocam
  • Paulo Luiz  
  • Paulo Rosas 
  • Rafael Rocha
  • Sergio M. Rangel

© 2018   Criado por Ivo S. G. Reis.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço